Obrigado, meu velho ano!


Hey, Pessoas!

Ando meio sumido da Blogosfera, né? Acontece que estes últimos meses do ano foram tão conturbados! De uma boa forma, claro.

Deixe-me explicar, em alguns passos, o quão ótimo foi este ano e os motivos pelos quais eu estava um tanto desaparecido por aqui, aproveitando para elaborar o meu balanço de fim de ano!


A chegada de Outubro, como de costume, me fez elaborar planos para o fim do ano. Sabe, né, a comemoração ao meu aniversário com amigos mais caseiros, a comemoração ao meu aniversário com amigos mais festeiros, o Natal com a família do meu Pai, o Natal com a família da minha mãe, os presentes para todas estas festas, incluindo os diversos amigos-ocultos que me meto e sempre me arrependo, a viagem ritualística do reveillon e, em especial este ano, uma leve comemoração de 06 meses de namoro. Tive que preparar uma surprise, a little gift. Entretanto, este último aspecto me deu um pouco mais de trabalho. Confesso que a crise dos 06 meses foi difícil para mim. Mas, felizmente ou infelizmente, eu já estava coberto pelo espírito natalino, o que me fez relevar muita coisa. O final foi bem bacana(L).

Pois bem, a faculdade me consumiu. Este semestre quase perdi minha saúde mental e quase ocasionei o desequilíbrio da minha psique com as 07 cadeiras que estava cursando. Sem contar o trabalho, que me pede 08hrs diárias de dedicação! Como se eu já não tivesse com o que me atarefar, fui contaminado pela praticidade de um microblog chamado Tumblr. Nossa, adoro meu Tumblr. Ele é uma espécie de “Notícias infames de última hora”, uma miniatura desse blog aqui. Textos rápidos, fotos, vídeos, frases, Gifs, e tudo que leva consigo informações mais rapidamente aos que estarão me vendo em suas timelines. É, também, uma espécie de Twitter... Mas bem mais elaborado, convidativo. Experimentem.

Então, mesmo com tudo isso, eu não poderia deixar de planejar todo o mês de dezembro. Bom, foi isso que carreguei na mente até a data das provas. Simplesmente eu não consegui fazer nada que eu planejei para o último mês do ano! Meu aniversário passou quase em branco, se não fosse pelo s2. Natal? Estava tão tenso que fiquei doente, trancado no meu quarto e assistindo Blade, A Série (que é ótima – faço a linha de não seguir todos os seriados da moda também). Reveillon, ao menos, tem tudo para ser um sucesso. O ritual de ir a uma praia deserta e acompanhar a despedida da última lua de 2010, e ver todo o espetáculo majestoso da chegada do primeiro raio quente do primeiro sol de 2011 em Flecheiras será maravilhoso!

Bom. Prometi muitas coisas aqui no Blog nesse ultimo semestre, tal como o “Analisando Letras” para discutirmos sobre a ryqueza de algumas músicas da nossa cultura (É o tchan!, Tati Quebra barraco, Molejão e etc...), o “you are doing it wrong” também precisará de um foco mais agressivo para o ano de 2011, enfim. Mas o minha cartomante já havia me dito que o ano de 2010 seria um ano de planejamento, e o próximo ano será de mais planejamento (?) e o início das conquistas! Well, espero mesmo que ela esteja certa. Para o bem dela, vamos torcer.

Ok, listinha: Coisas que conquistei em 2010.

  1. Um bom emprego na área de Marketing Digital, que eu tanto queria;
  2. Um relacionamento saudável (difícil, né gente?);
  3. Dispensar bunito um velho fantasma chamado “Ex”;
  4. Li 13 livros;
  5. Fiz várias novas e boas amizades;
  6. Comecei a pagar um carro novo;
  7. Bombei no Blog, Twitter, Facebook e Tumblr – !
  8. Desfiz-me de algumas amizades não muito boas;
  9. Disse diversas vezes, e de forma verdadeira, a frase “eu te amo”;
  10. Me mantive pleno, saudável, ascendente e realizado com tudo que me propus a planejar, executar e finalizar neste ano de 2010.


Coisas para 2011:

  1. Emagrecer alguns quilinhos (kié, gente? Vem dizer que vc não quer o mesmo...?)
  2. Continuar cantando, agora em um grupo maior;
  3. Conhecer Londres nas férias do meio do Ano;
  4. Passar em um Concurso;
  5. Ir ao show do Coldplay no Rock in Rio, no Rio de Janeiro;
  6. Estar de carro novo!;
  7. Terminar a Faculdade (aff);
  8. Amar e ser amado intensamente;
  9. Ler 16 livros;
  10. Montar os 2 negócios que eu quero (hummm...)



Então é isso aí, gente. Neste ultimo post do ano de 2010, quero agradecer aos novos amigos que fiz aqui, e dizer que torço por cada um de vocês (de veras). Desejem-me saúde, paz e amor. Porque sorte eu tenho, e vocês terão 3x mais! Muito dinheiro no bolso, e o resto axente resolfi!


Forte abraço, Feliz 2011!
 

Pílulas Mágicas?

“As pessoas tiram da vida exatamente o que investiram nela.”
(Joy Adason)


Obs.: Ando meio desligado do Blogger por razões que só um universitário em final de semestre poderia entender. Estou um pouco mais presente no Tumblr, twitter e no Facebook. Ok? Qualquer coisa, estamos por lá. Ah! Prometo que até o final do ano eu faço um post de vergonha...

 

Sustentabilidade




Sustentabilidade é a habilidade, no sentido de capacidade, de sustentar ou suportar uma ou mais condições, exibida por algo ou alguém. É uma característica ou condição de um processo ou de um sistema que permite a sua permanência, em certo nível, por um determinado prazo. Em anos recentes, o conceito tornou-se um princípio, segundo o qual o uso dos recursos naturais para a satisfação de necessidades presentes não pode comprometer a satisfação das necessidades das gerações futuras, o que requereu a vinculação da sustentabilidade no longo prazo, um "longo prazo" de termo indefinido, em princípio.

O princípio da sustentabilidade aplica-se a um único empreendimento, a uma pequena comunidade (a exemplo das ecovilas), até o planeta inteiro.







Uma campanha dos alunos de Marketing Adriano Mariano (me!), Livia Vasconcelos e Herbene Pereira para a cadeira de Comunicação Empresarial da faculdade Estácio | FIC.

Feito com câmera semi-profissional, sem cortes e sem muitos efeitos visuais, o desafio do VT era mostrar de forma simples um conceito sobre sustentabilidade, dentre os vários sentidos do termo. Usamos somente quatro elementos na tentativa de construção do conceito neste trabalho: a imagem de uma natureza saudável como referência ao que temos e não nos importamos, o som da moto-serra como elemento perturbador desta destruição e despertador para esta realidade, e o som dos cantos dos pássaros somado a uma mensagem de efeito para produzir o momento de reflexão proposto.

Sobre o making off: Foi um tanto complicado fazê-lo em um estúdio profissional, sem um profissional. Posto que discutimos com o cinegrafista do laboratório, até que ele saiu da sala... Aham, #SentaLáClaudia. Mas, particularmente, gostei do resultado. E vocês, gostaram?
 

Frase do Dia


 

And then there was Salsa!



Indicado por @DavidVarelo:
And Then There Was Salsa
por Frito Lay Dips
no Vimeo.

 

Calem a boca, nordestinos!

Nestes últimos dias vivemos grandes emoções sobre o futuro e o passado do nosso país. Sim. Não só as eleições para escolher o próximo presidente desta nação discorreu-se em insultos, ponta-pés, bolinhas de papel atômicas e sensacionalismo a cerca do passado cheio de torturas de alguém, como também veio à tona um problema mais do que escrotal que esse país de tantas raças e etnias sustenta; a recusa pelo que é diferente, o preconceito pelo que não é igual. Uma doença congênita que nos afeta desde tempos imemoráveis.
Cansei de ler insultos no meu twitter no dia seguinte a apuração do segundo turno destas eleições. Cansei e me senti tão ofendido quanto não poderíamos nos sentir ao ouvir de alguma pessoa inculta sua opinião errônea e sem fundamentos. Mas, talvez, este tenha sido o grau mais elevado de discriminação que eu já tenha sentido na pele em toda a minha vida, e posso dizer que não me senti bem mesmo. Confesso que comprei a causa, me admirei com a onda de frases otimistas que revidaram essa iniciativa infeliz que a estudante Mayara Petruso começou. Entretanto, o que mais me espantou foi a quantidade de pessoas que apoiaram o pensamento medíocre que esta paulista, estudante de Direito, inconsequente e pobre de espírito e de amor expressou para o mundo.
Bom, então pensei em escrever sobre tudo que cercava esse assunto tão polêmico; política, princípios da nossa sociedade, educação e preconceito... mas eis que um amigo me indicou um texto que simplesmente tinha tudo que eu teria dito em meu post todo trabalhado na ironia. E agora quero compartilhar com vocês para, no final das contas, dizer que não interessa o quanto possam ou queiram falar. Precisamos nos calar quando os latidos vêem de cães encurralados em becos vazios e sem saída.

"A eleição de Dilma Rousseff trouxe à tona, entre muitas outras coisas, o que há de pior no Brasil em relação aos preconceitos. Sejam eles religiosos, partidários, regionais, foram lançados à luz de maneira violenta, sádica e contraditória.
Já escrevi sobre os preconceitos religiosos em outros textos e a cada dia me envergonho mais do povo que se diz evangélico (do qual faço parte) e dos pilantras profissionais de púlpito, como Silas Malafaia, Renê Terra Nova e outros, que se venderam de forma absurda aos seus candidatos. E que fique bem claro: não os cito por terem apoiado o Serra... outros pastores se venderam vergonhosamente para apoiarem a candidata petista. A luta pelo poder ainda é a maior no meio do baixo-evangelicismo brasileiro.
Mas o que me motivou a escrever este texto foi a celeuma causada na internet, que extrapolou a rede mundial de computadores, pelas declarações da paulista, estudante de Direito, Mayara Petruso, alavancada por uma declaração no twitter: "Nordestino não é gente. Faça um favor a SP, mate um nordestino afogado!".
Infelizmente, Mayara não foi a única. Vários outros “brasileiros” também passaram a agredir os nordestinos, revoltados com o resultado final das eleições, que elegeu a primeira mulher presidentE ou presidentA (sim, fui corrigido por muitos e convencido pelos "amigos" Houaiss e Aurélio) do nosso país.
E fiquei a pensar nas verdades ditas por estes jovens, tão emocionados em suas declarações contra os nordestinos. Eles têm razão!
Os nordestinos devem ficar quietos! Cale a boca, povo do Nordeste!
Que coisas boas vocês têm pra oferecer ao resto do país?
Ou vocês pensam que são os bons só porque deram à literatura brasileira nomes como o do alagoano Graciliano Ramos, dos paraibanos José Lins do Rego e Ariano Suassuna, dos pernambucanos João Cabral de Melo Neto e Manuel Bandeira, ou então dos cearenses José de Alencar e a maravilhosa Rachel de Queiroz?
Só porque o Maranhão nos deu Gonçalves Dias, Aluisio Azevedo, Arthur Azevedo, Ferreira Gullar, José Louzeiro e Josué Montello, e o Ceará nos presenteou com José de Alencar e Patativa do Assaré e a Bahia em seus encantos nos deu como herança Jorge Amado, vocês pensam que podem tudo?
Isso sem falar no humor brasileiro, de quem sugamos de vocês os talentos do genial Chico Anysio, do eterno trapalhão Renato Aragão, de Tom Cavalcante e até mesmo do palhaço Tiririca, que foi eleito o deputado federal mais votado pelos... pasmem... PAULISTAS!!!
E já que está na moda o cinema brasileiro, ainda poderia falar de atores como os cearenses José Wilker, Luiza Tomé, Milton Moraes e Emiliano Queiróz, o inesquecível Dirceu Borboleta, ou ainda do paraibano José Dumont ou de Marco Nanini, pernambucano.
Ah! E ainda os baianos Lázaro Ramos e Wagner Moura, que será eternizado pelo “carioca” Capitão Nascimento, de Tropa de Elite, 1 e 2.
Música? Não, vocês nordestinos não poderiam ter coisa boa a nos oferecer, povo analfabeto e sem cultura...
Ou pensam que teremos que aceitar vocês por causa da aterradora simplicidade e majestade de Luiz Gonzaga, o rei do baião? Ou das lindas canções de Nando Cordel e dos seus conterrâneos pernambucanos Alceu Valença, Dominguinhos, Geraldo Azevedo e Lenine? Isso sem falar nos paraibanos Zé e Elba Ramalho e do cearense Fagner...
E Não poderia deixar de lembrar também da genial família Caymmi e suas melofias doces e baianas a embalar dias e noites repletas de poesia...
Ah! Nordestinos...
Além de tudo isso, vocês ainda resistiram à escravatura? E foi daí que nasceu o mais famoso quilombo, símbolo da resistência dos negros á força opressora do branco que sabe o que é melhor para o nosso país? Por que vocês foram nos dar Zumbi dos Palmares? Só para marcar mais um ponto na sofrida e linda história do seu povo?
Um conselho, pobres nordestinos. Vocês deveriam aprender conosco, povo civilizado do sul e sudeste do Brasil. Nós, sim, temos coisas boas a lhes ensinar.
Por que não aprendem conosco os batidões do funk carioca? Deveriam aprender e ver as suas meninas dançarem até o chão, sendo carinhosamente chamadas de “cachorras”. Além disso, deveriam aprender também muito da poesia estética e musical de Tati Quebra-Barraco, Latino e Kelly Key. Sim, porque melhor que a asa branca bater asas e voar, é ter festa no apê e rolar bundalelê!
Por que não aprendem do pagode gostoso de Netinho de Paula? E ainda poderiam levar suas meninas para “um dia de princesa” (se não apanharem no caminho)! Ou então o rock melódico e poético de Supla! Vocês adorariam!!!
Mas se não quiserem, podemos pedir ao pessoal aqui do lado, do Mato Grosso do Sul, que lhes exporte o sertanejo universitário... coisa da melhor qualidade!
Ah! E sem falar numa coisa que vocês tem que aprender conosco, povo civilizado, branco e intelectualizado: explorar bem o trabalho infantil! Vocês não sabem, mas na verdade não está em jogo se é ou não trabalho infantil (isso pouco vale pra justiça), o que importa mesmo é o QUANTO esse trabalho infantil vai render. Ou vocês não perceberam ainda que suas crianças não podem trabalhar nas plantações, nas roças, etc. porque isso as afasta da escola e é um trabalho horroroso e sujo, mas na verdade, é porque ganha pouco. Bom mesmo é a menina deixar de estudar pra ser modelo e sustentar os pais, ou ser atriz mirim ou cantora e ter a sua vida totalmente modificada, mesmo que não tenha estrutura psicológica pra isso... mas o que importa mesmo é que vão encher o bolso e nunca precisarão de Bolsa-família, daí, é fácil criticar quem precisa!
Minha mensagem então é essa: - Calem a boca, nordestinos!
Calem a boca, porque vocês não precisam se rebaixar e tentar responder a tantos absurdos de gente que não entende o que é, mesmo sendo abandonado por tantos anos pelo próprio país, vocês tirarem tanta beleza e poesia das mãos calejadas e das peles ressecadas de sol a sol.
Calem a boca, e deixem quem não tem nada pra dizer jogar suas palavras ao vento. Não deixem que isso os tire de sua posição majestosa na construção desse povo maravilhoso, de tantas cores, sotaques, religiões e gentes.
Calem a boca, porque a história desse país responderá por si mesma a importância e a contribuição que vocês nos legaram, seja na literatura, na música, nas artes cênicas ou em quaisquer situações em que a força do seu povo falou mais alto e fez valer a máxima do escritor: “O sertanejo é, antes de tudo, um forte!”
Que o Deus de todos os povos, raças, tribos e nações, os abençoe, queridos irmãos nordestinos!"

Meus agradecimentos ao autor José Barbosa Junior,que escreveu estas verdades tão bem ditasna madrugada de 03 de novembro de 2010 em Crer e Pensar.
 

Homenagem a Dilma.




Momento "Legenda da Rapidinha":

"Ela não é o cara,
Mas é amiga do Homem.
Você não é o cara,
E nem é amigo do Homem.

Venha para o club,
Deixe de ser bobo!
Venha logo também
Ser amigo do Homem!"

Oooooooooooooooooooooooook, então.

 

Frase do Dia

"Diga-me quem tu segues,
e te direi quem tu és."


... então, para que você tenha boas referências,
Besos.
 

ERRATA: S.A. Factoides & Versao brasileira de Glee


Ok... o blog http://www.seriadores.com.br veiculou a notícia de que a RedeTV havia anunciado uma adaptação brasileira de GLEE, sob a tag "S.A. Factóides". Na hora achei a notícia tão absurda quanto possível que tal rede de televisão apostasse nesta marmota que nem reparei na tag sutil, quase que subliminar, gritando que isto era mentira. Pois bem, o gatinho aqui super valorizou a notícia e logo deu cabimento ao grupo que se intitula "Seriadores Anônimos", mas que de anônimos não têm nada. Posto que além de assinarem seus posts, eles mesmos comentam suas notícias, aumentando a afirmação sobre factóides como esta em questão, angariando uma visibilidade interessante para tais bullshits.

Diante de tal descoberta, permito-me modificar este post para uma melhor exibição dos fatos. Aliás, o único fato mesmo é que esses caras foram muito originais! (auhauhauhaa...) Sem dúvidas, ou mágoas, foram muito criativos lançando a "S.A. Factóides", veiculando noticias infames dentro do contexto que se propuseram a abordar: Seriados. Então, deixe que eu lhes apresente os anônimos: Hadriel Maia, Luciano, Ramon Bittencourt, Victor Poroca, Edu Montel, Rafael Augusto, Alexandre, Diogo Pacheco, Daniel Volponi, @JuniorAd, Luan Milaneli, Leo Oliveira, J.Carlos e Camis Barbieri.

Sim. Se a você, assim como a mim, sem aviso prévio ou preparação cardiopsicológica, essa notícia cabeluda assustou ou deixou com medo, muito medo, a ponto de roer suas unhas de porcelana e fez empalidecer seus pobres coraçõezinhos ao achar que a emissora de TV mais “über” do Brasil havia emperiquetado de fazer uma versão tosca e Brasileira de GLEE, com o nome super criativo de “EscoLa da Música", #Oremos.

A suposta empreitada da RedeTV prometia uma versão aos moldes tupiniquins do seriado GLEE, apresentando um enredo parecido com o roteiro original da produção. A EscoLa da Música contaria a história de um coral do ensino médio em uma escola pública brasileira, o que permitiria que o elenco repetisse váaaarias vezes o ultimo ano devido ao sistema educacional precário do nosso país, não é mesmo? Já no primeiro episódio o coral faria um protesto sobre a péssima merenda escolar, cantando ”A gente não quer só comida, a gente quer comida, diversão e arte!".

Ai, ai. Não sei como esticar muito esse assunto. Escrever sobre isso está me dando câimbras e um enorme desconforto cardíaco. Vamos logo ao pseudo-elenco... muito bem bolado, por sinal! kkkkkkkk... a cara da RedeTV mesmo:


Rachel Barry seria vivida por Marjorie Estiano, e seu nome “abrasileirado” seria Raquel Framboesa. Aham. Raquel Framboesa. Alguém, por favor, pode me conseguir uma gota de sangue da pessoa que escolheu esses nomes? Preciso mandar “rezar” por ele(a) em um terreiro aqui perto...

Pois bem, Marjorie é uma ótima cantora, atua bem, super competente, mas teria que usar uma prótese para deixar seu nariz tosco. Os garotos do Blog criador dessa proposta foram tão detalhistas que mencionaram até uma fala da atriz que, em entrevista, disse que se sente mais do que preparada para substituir Lea Michele em Escola da Música.


O galã sem sal da série, Finn, seria vivido pelo 'quase' Deputado Federal (DEM-SP), o excelentíssimo Sr. Kiko do KLB. Nome do personagem será Filipe 'Fil' Filipinas. Sim.

Olha... Leo Oliveira, foi escolha sua?
Putz...






Mais uma escolha que seria curiosa: Will Schuester seria vivido por Daniel Boaventura e se chamaria Guilherme 'Gui' Xuster. Não aguento.

Tá bom para você?




Corram, ela está de volta. Sue seria interpretada por ninguém menos que a equilibradíssima Vanusa. Claro, se esta lembrar de suas falas durante todo o seriado. Porque tem aquele problema, né...? Tinha que ver isso ae.

A-do-rei essa indicação!

Bolei de rir.



Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk.... ok.
Alguma dúvida? Não né?

Junior assumiria seu lado Kurt.
Hunrum. Teria sido cômico demais, meninos.





Ai, eu particularmente achei esta indicação muito bem acertada. Mercedes interpretada por Vanessa Jackson. Lembra dela? Não? É a vencedora da primeira edição de Fama, aquele Reality show da Globo... não o BBB, o oooutro reality. Tsc.

Ela tem uma voz linda, e seria tão perfeita em sua interpretação quanto qualquer outra Black bitch poderia fazer. O nome da personagem mudaria para Maria Mercedes. Essa cara de #abusadíssima de banheirão, com esse nome...


Ok, eu sempre quis ver o Pe Lanza em uma cadeira de rodas, tá? Mas confesso que não nestas circunstâncias. O garoto viveria Artie, o cadeirante de Glee, e se chamaria Arthur “Arte” Abraão.

Sem comentários sobre o nome do personagem, que, aliás... ainda quero uma gota de sangue de quem os inventou, ok?


Alguém duvida que o intelecto entre atriz e personagem bateria perfeitamente neste caso?

Brittany
seria interpretada por Mallu Magalhães na versão fictícia do amigos desse outro blog infame. Esta também tem uma frase inventada em uma entrevista forjada. Ela teria respondido, ao ser questionada sobre se era a escolha certa para o papel, simplesmente: "é... Então... A gente vai... Pois é... Tchubaruba!". Auhauhauhaha.... eu acrediteeeeeei! uahauhauha... ficou perfeito.


Os marmanjos foram tão maliciosos que usaram, ainda, de suspense veiculando que ainda não teriam confirmados os nomes para interpretar outros papéis importantes da trama original (e única, até agora), como o Diretor Figgins, Quinn, Emma, Tina, Puck, Santana entre outros. E vamos torcer para que tal idéia não tenha fomentado a "criatividade" na cabeça dos produtores da TV em questão...

Uma das coisas mais interessantes que se poderia imaginar nesse seriado, além de prever como seria a safadeza oculta das cenas de Kurt (Júnior) e Finn (Kiko), seria conferir clássicos da nossa MPB. Abaixo segue a lista das músicas que seriam usadas no primeiro episódio.

"Comida"
Artista: Titãs
Na série por: Escola da Música

"Mania de Você"
Artista: Pepê e Nenem
Na série por: Vanessa Jackson e Marjorie Estiano

"Quem não quer sou eu"
Artista: Perlla e Marcelo D2
Na série por: Pe Lanza e Mallu Magalhães

"Decadence Avec Elegance"
Artista: Deborah Blando
Na série por: Vanusa

"Amigos para Sempre"
Artista: Jane e Herondy
Na série por: Marjorie Estiano, Kiko KLB e Escola da Música

"É preciso acreditar"
Artista: Robinson Monteiro
Na série por: Daniel Boaventura e Escola da Música


A idéia não foi de todo mal, sabe? Serviu para percebermos que as notícias que são veiculadas na internet, se não soubermos filtrá-las corretamente, acabaremos interpretando da pior forma possível. O que não foi meu caso, claro, pois sustento um blog onde "os fatos são levados mais ou menos a sério". rsrsrs....
Realmente tiro meu chapéu, se eu usasse um, para a criatividade dos garotos. Adorei o blog deles, e pode ter certeza que mais trotes destes serão veiculados em meu Tabloide! Afinal, nada mais justo que um Tabloide Infame para estampar notícias da S.A Factóides em primeira mão!

 

Think Blue



Um vídeo da Volkswagen,
retirado do blog Naipes Flamejantes
que, à propósito, indico.
 

É você quem sabe.

Sabe, não é isso que eu quero.

Sabe, quero acertar, quero fazer direito.

Quero ser feliz, sabe?

Sabe?

Pois é. Você sabe.

É-você-quem-sabe.


 

Politicagem & Swingueira


Quer dizer, o que está havendo com as pessoas? Será que só eu acho, ou mais alguém percebe que estas eleições extrapolaram todo o senso do ridículo que se podia esperar de grupos partidários? São pessoas que querem nos representar! Vão ganhar salários milionários e deveriam estar passando a credibilidade que precisamos sentir para pô-las nestes cargos, e não é bem isso que está acontecendo.

Por quê? Estamos tão assim, sem expressão?
Somos tão assim, “tanto faz”?

Não sou de acompanhar horário político, e este é o assunto que eu menos gosto de discutir. Sei lá, não me vem um só nome na cabeça que eu possa dizer: “Essa é a pessoa! Vou votar nela demááás!”. Este entusiasmo, esta confiança toda... Não sei não. Como meu avô me disse uma vez: “Minha criança, nunca confie nestes dois tipos de pessoas: As que sangram por mais de cinco dias e não morrem - mulheres, entendeu!? -, e as que ganham mais do que você!”. Certo que ele teve oito filhas e uma esposa escrota. Vovó sempre foi muito “pra frente”... Mas o que ele queria passar com a segunda parte da oração, com “aqueles que ganham mais do que você”, era uma ironia com relação aos chefes escrotos, rycos emergentes e políticos sacanas que pediam votos com uma humildade sobre-humana só para estacionar em cargos políticos e levar uma vida ímpar àqueles que o elegeu. De certa forma ele tem razão - nas duas orações -, mas o que há hoje em dia é um absurdo! Os políticos nem ao menos querem mais ter o trabalho de fazer um discurso demorado e literalmente correto! Não. Locam carros de som para rodar em toda cidade, veiculando alguma paródia horrível de uma música popularmente conhecida e fuleira. Aqui vai algumas:



Olha o 25 aí, gente! É 25, 25, 25, tome, tome, 25, e TOME!


-x-

E dale-dale-dale quinzêeeee!!! É o 15, meu povo!!!




-x-

É 13, é 13, é 13, é 13, é 13 (x100)…
E quem não agüentar... pode ir pescar! (?)


(Quaisquer semelhanças entre os jingles são meras coincidências...
ou falta de criatividade.)

-x-
Esse som só os cães podem ouvir… ultrasônico! #oremos



Gente... Que tipo de credibilidade querem passar com isso? Pena que não achei nenhum video de carros de som de Fortaleza... Aí você veriam o que é esculhambação. E como não falar do Tiririca? Pois eu vou dizer como não falar dele! (...)

A lei que regulamenta as eleições é clara: é proibido usar auto-falantes a menos de 200 metros de escolas, hospitais, igrejas, órgãos públicos e depois das 22 horas. Poderíamos inserir "...e pessoas" nesta lista, né? Mas como bem sabemos, na prática isso não ocorre de jeito nenhum. Foda-se a Lei, o que essa Juçara Simões queria com esse fusca ultra-sônico no meio do nada, em plena 13:30h, com esse sol truante e estes cafuçus dançando “swinguera“ mortos de bêbados em cima dessa caixa de som? Meu povo, vão se deitar e assistir sessão da tarde. Não acredito que vou dizer isso, mas sinto falta do tempo que eram contratados vários músicos globais da terceira idade para fazer os jingles e campanhas de políticos...


 

Blogger Mobile




Olá, personas.

Estou testando o serviço mobile do blogger. 
Esta é uma foto do janelão da minha sala, mirando a Av. Dom Luis beeeem cedinho, quando dirigir nestas vias ainda tem um clima agradável de passeio... Enfim. Não estou certo quanto a formatação deste texto pelo processamento do blogger, nem da qualidade desta foto (!) - troquei de celular, tá? agora estou com um sm@art -, mas testar é viver!

No administrador do Blogger, dentre as novas, fantásticas e úteis opções que existem lá, vá em configurações  > Email e Celular e cadastre seu aparelho. Comece a mandar post de qualquer lugar que estiver! Chega de digitar tudo no word, em seu desktop sem internet banda larga, depois colar no PenDrive para fazer o UpLoad na Lan House mais próxima, seu pobre! Agora você pode mandar do seu celular - que tenha a opção de mandar MMS - com acesso à internet e pronto!

Aproveitando esse post ameno, quero dar as boas vindas aos meus novos amigos bloggers! Esta semana li e conheci mundos incríveis nos blogs dessa galerinha da coluna aí do lado. Obrigado pelo apoio, pelas visitas e pelos coments! Podem ter certeza que a recíproca é super verdadeira!

Então. Esta semana vem mais coisas por aqui. Hoje, ao dirigir atrasado para o trabalho por causa dos carros de som que lerdam no trânsito veiculando propagandas horrendas de políticos sem o mínimo senso publicitário, percebi o quão estão sendo um porre estas eleições... Temos aí um bom tema. Prometo investir neste, no próximo post.

Ate mais!
#chorameliga

 

O que é amor para você?




 

Desligue o computador e vá transar.



Bom dia, personas!

Hoje, esta segunda-feira modorrenta, dia 6/9, é o Dia do Sexo. Bem sugestiva essa data, né, gente? Então resolvi fazer nossa Enquete Infame aproveitando esse dia magnificamente fantástico. Sim, fantástico! Posto que sem sexo nem a nossa mãe existiria! E eu AMO a minha mãe...


Mas antes de eu lançar a pergunta Infame, vamos entender mais sobre como surgiu esse dia. Acontece que a age., uma agência de comunicação publicitária paulista, idealizou esta data para a marca Olla de preservativos e "afins". Esta data - criada para popularizar a marca, claro - já existe a dois anos, e este ano lançou a campanha digital "Eu apoio o Dia do Sexo porque..." no site www.diadosexo.com.br, recolhendo milhaaaares de frases cabalísticas, onde a escolhida ganhou uma viagem com direito a balada - tudo pago - para até 3 acompanhantes! Jesuis!

A campanha foi executada com excelência, e as peças publicitárias ficaram ótimas... os elementos foram baseados em posições da Kama Sutra (oi?) e aplicados de forma super criativa em avatares masculinos e femininos. O argumento da campanha é aproveitar um dia antes do feriado para disseminar o sexo seguro, fomentar discussões sobre o tema e, claro, enriquecer nosso calendário oficial! Imaginou uma cena com você pedindo folga ao seu chefe por ser dia do sexo...? Pois é. Estou no escritório neste exato momento, me coçando para levantar esta causa e fazer uma rebelião em prol do Dia do Sexo!

Pois bem, a frase que ganhou o concurso foi esta:


"Eu apoio o Dia do Sexo porque esse será o ÚNICO dia voltado para aquilo que fazemos em TODAS as outras datas comemorativas. SEXO!"

Matheus Augusto de Oliveira Mendes
Paulínia - São Paulo


De fato, né, personas... Enfim. Então vamos a pergunta da nossa Enquete Infame de hoje:

Por que vocês apoiariam o Dia do Sexo?

E para não deixar vocês, solteiros(as) e sozinhos(as), 'na mão' e sem aproveitar nada do seu merecido Dia do Sexo, cedo-lhes um pensamento: Se o dia 6/9 é o Dia do Sexo, será o dia 5/1 o dia do solitário?!
Auhauahuahuaha...

Então é isso.
Besos.